Online e gratuito: Ponte Nórdica no Ar

Da Dinamarca a Noruega, da Finlândia a Groenlândia. Descubra o novo canal online de cinema nórdico no Brasil.


Por FELIPE VIVEIROS*


Primeira plataforma no Brasil dedicada a filmes nórdicos, a Ponte Nórdica no Ar disponibiliza gratuitamente filmes premiados e exclusivos da Groenlândia, Islândia, Dinamarca, Finlândia, Suécia e Noruega. A iniciativa é do Instituto Cultural da Dinamarca e o Festival Ponte Nórdica que vem, desde 2016, criando pontes culturais entre o trópico e o ártico.


Em sua primeira edição online, o festival oferece um catálogo de títulos premiados e exclusivos que abordam temas de grande relevância como: direitos humanos, questões raciais, diversidade de gênero, povos originários, mulheres na política e ativismo LGBT. A programação é gratuita e está disponível no site www.pontenordica.com.br até dia 30 de dezembro.


Não sabe por onde começar e quais filmes assistir nesta edição?


Como cinema nórdico é a nossa gélida praia, separamos um filme de cada país para você aproveitar ao máximo esse festival que veio esquentar estes dias.


Pegue a pipoca e atravesse a Ponte Nórdica no Ar!


IRMÃOS (2015)

País: Noruega


Vencedor do festival canadense Hot Docs e em cartaz nas salas de cinema da Noruega por ininterruptos oito meses, o documentário da diretora Aslaug Holm foi filmado ao longo de oito anos e acompanha o crescimento dos filhos da diretora. O filme mostra a crua transição da infância à juventude e conta com cenas de diferentes estações do ano na capital Oslo, bem como verões no litoral norueguês.



SANGUE SÁMI (2016)

País: Suécia


Primeiro longa-metragem da cineasta Amanda Kernell, o documentário é um convite para conhecer o povo sámi do extremo norte da Europa. O longa traz o debate dos povos indígenas, lutas por identidade e retrata o preconceito sofrido por uma jovem de etnia sámi, a mesma da diretora, e sua adequação à cultura sueca. O filme foi premiado nos festivais de Berlin e Sundance.



TOM OF FINLAND (2017)

País: Finlândia


Drama biográfico sobre Touko Valio Laaksonen, desenhista finlandês que se tornou conhecido por desenhos homoeróticos e desinibidos, Tom of Finland revela a perseguição aos homossexuais em Helsinque. O filme mostra como Touko encontrou refúgio em sua arte libertária e se tornou o emblema de gerações no ativismo LGBT.



REVOLUÇÃO DA PIA DA COZINHA (2015)

País: Islândia


Filme da diretora Halla Kristín Einarsdóttir, Revolução da Pia da Cozinha revela a história da "Aliança das Mulheres", um partido político fundado na Islândia dos anos 1980 que influenciou a luta por equidade de gênero nos países nórdicos. O longa mostra a onda feminista que mudou a sociedade islandesa e a organização das mulheres no cenário político do país.



SUMÉ - O SOM DA REVOLUÇÃO (2014)

País: Groenlândia


Documentário do cineasta Inuk Silis Høegh sobre a primeira banda de rock a gravar em groenlandês, Sumé - O Som da Revolução mostra a importância do grupo no renascimento da cultura e identidade da Groenlândia. Conhecidos por introduzirem palavras como "revolução" e "opressão" no idioma groenlandês, os integrantes de Sumé eram contundentes em sua posição contra a colonização dinamarquesa, o que culminou na formação de um parlamento autônomo na região, em 1979.



RAINHA DE COPAS (2019)

País: Dinamarca


Grande sucesso entre os países nórdicos, o provocativo longa aborda a vida de uma advogada que estreita os laços com o seu enteado, filho do primeiro casamento de seu marido. Entretanto, a relação que deveria ser maternal se desenvolve para um clima romântico, colocando a estabilidade da vida profissional e pessoal da advogada em risco. O filme, da diretora May el-Thouky, rendeu diferentes premiações e foi selecionado como representante da Dinamarca no Oscar de 2020.


*Felipe Viveiros, graduado em Relações Internacionais pela PUC-SP, tem extensão universitária em Comunicação Empresarial pela Universidade da Colúmbia Britânica (Canadá) e é mestre em Relações Internacionais e Organização Internacional pela Universidade de Groningen (Holanda).

DO RESTO DO MUNDO

cultura

  • Facebook
  • Instagram
  • Spotify

Copyright © 2020 Cultura do Resto do Mundo.

Todos Direitos Reservados. Arte do Site: Viviane Seeger.

  • Facebook
  • Instagram
  • Spotify