Día de Los Muertos

Uma viva seleção de filmes para curtir a celebração como se estivesse no México.


Por FELIPE VIVEIROS*


Hoje é comemorado o "Día de Los Muertos", a mais típica celebração do México. A história revela que a conhecida festa é, na verdade, herança dos rituais realizados pelos astecas. Os cultos eram repletos de comida, oferendas e as "caveiras" dos que morreram, eram expostas como símbolos de suas “presenças” nos rituais.


Como em muitos países colonizados por espanhóis e portugueses, os rituais de origem ameríndia sofreram alterações com a chegada dos colonizadores católicos. Não é mera coincidência que o "Día de Los Muertos" no México, coincida com o Dia de Todos os Santos e o Dia de Finados no Brasil.


Segundo a tradição, os mortos retornam ao mundo físico entre os dias 01 e 02 de novembro. Para assustar e puxar o nosso pé enquanto dormimos? De maneira alguma, para fazer uma visita aos que estão vivos. Por esta razão a festa no México é muito bem decorada, as oferendas são postas nos altares e a mesa de jantar tomada por banquetes tradicionais. Não se pode tratar mal uma visita que veio de muito longe...


É por isso que a Cultura do Resto do Mundo separou para vocês uma seleção filmes para curtir o "Día de Los Muertos" como se estivesse no México. Decorem suas caveiras, pintem os seus rostos, façam suas oferendas e preparem a mesa, porque os convidados estão a caminho!


HASTA LOS HUESOS (2002)


Curta-metragem do premiado cineasta Mexicano René Castillo, "Hasta Los Huesos"aborda a morte de uma maneira bem humorada. A trama gira em torno de um homem que morre e é enviado ao submundo. Recebido com uma festa boêmia, o protagonista se encanta com a morte e percebe que essa condição não é tão ruim quanto se imagina. O curta, no estilo stop-motion, é o mais caro na história da animação no México e a trilha sonora conta com a famosa banda de rock mexicano Café Tacvba.



LA LEYENDA DE NAHUALA (2007)


Sucesso de bilheteria na semana de estreia no México, "La Leyenda de Nahuala" é dirigida por Ricardo Arnaiz e ambientada na cidade de Puebla de Los Angeles. O enredo aborda a vida de Leo San Juan, uma menino inseguro que vive assustado com as histórias de terror contadas pelo irmão mais velho. Os contos se tornam realidade e o menino precisa encarar seus medos do "sobrenatural" para resgatar o irmão em apuros. O filme ganhou na categoria "Melhor Longa-metragem de Animação" do Ariel Awards, o equivalente mexicano ao Oscar.



EL LIBRO DE LA VIDA (2014)


Indicado à categoria de“Melhor Filme de Animação”do Globo de Ouro, "El Libro de La Vida" é um aventura em 3D baseada, inteiramente, na festividade do "Día de Los Muertos". Produzida por Guillermo del Toro e dirigida por Jorge Gutierrez, o longa retrata a jornada de um toureiro que, no“Dia dos Mortos”, embarca em uma aventura "pós-vida" para satisfazer as expectativas de sua família e enfrentar seus maiores medos de infância.



COCO (2017)


Baseado em uma ideia original do diretor Lee Unkrich, "Coco" é um filme em 3D produzido pela Pixar e lançado pela Walt Disney Pictures. A história registra os desafios de Miguel, um menino de 12 anos que é acidentalmente transportado para a Terra dos Mortos na busca pelo seu tataravô. A ideia do menino é trazê-lo de volta ao mundo dos vivos e reverter a proibição de música em sua família. O longa foi a aclamado pela crítica por respeito e fidelidade à cultura mexicana e ganhou dois Oscars, incluindo a categoria de "Melhor Longa-metragem de Animação” e “Melhor Canção Original”.



DÍA DE LOS MUERTOS (2019)


Do diretor Carlos Gutiérrez Medrano, "Día de Los Muertos" relata os desafios de Salma, uma órfã de 16 anos da cidade mexicana de Santa Clara, que nunca conheceu seus pais biológicos. Salma passou a maior parte da vida procurando pistas sobre a identidade deles, até o momento em que descobre um livro mágico repleto de histórias de seu vilarejo. A jovem parte para uma aventura na esperança de ainda conhecer seu pais, mesmo em outra dimensão...


*Felipe Viveiros, graduado em Relações Internacionais pela PUC-SP, tem extensão universitária em Comunicação Empresarial pela Universidade da Colúmbia Britânica (Canadá) e é mestre em Relações Internacionais e Organização Internacional pela Universidade de Groningen (Holanda).

DO RESTO DO MUNDO

cultura

  • Facebook
  • Instagram
  • Spotify

Copyright © 2020 Cultura do Resto do Mundo.

Todos Direitos Reservados. Arte do Site: Viviane Seeger.

  • Facebook
  • Instagram
  • Spotify